Cirurgião plástico é assassinado com vários tiros na fronteira



Bastante querido e conhecido na fronteira, o médico José Centurion foi morto a tiros por volta das 14h30 dessa terça-feira, dia 11, na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, fronteira com ponta Porã.

O médico demartologista e cirurgião plástico, seguia em seu carro, um Kia de cor branca, placa CDT 157 Paraguai, quando foi alcançado nas proximidades do hospital IPS (Instituto Prevision Social) por um homem em uma moto que disparou 15 tiros de pistola 9mm contra o vidro do motorista e fugiu. Centurion estava saindo do plantão.

 

COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10