• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Lama que sujou rio da Prata teria saído de fazenda com plantio de soja

Água turva do rio espantou turistas neste fim de semana


Por Correio do Estado

Água cristalina ficou turva por conta dos sedimentos - Foto: Foto: Divulgação

Enxurrada com sedimento que tomou conta do rio da Prata e deixou a água turva no último fim de semana, teria escoado de fazenda de plantio de soja, localizado a cerca de 2 km do ponto de impacto do rio. Por conta da situação, várias propriedades foram fiscalizadas pela Polícia Militar Ambiental (PMA).

De acordo com a PMA, em uma fazenda, que tem terreno gradeado e plantio ainda em estágio inicial, há uma represa para conter a água do escoamento superficial, mas com o grande volume, por conta das chuvas, a barragem não suportou e lama e terra foram carregadas até o rio.

As equipes verificaram que a fazenda é arrendada e tem atividade agrícola licenciada. Um relatório será encaminhado para o órgão ambiental e também para o Ministério Público, para avaliação de possível descumprimento das condicionantes do licenciamento. 

Caso o órgão verifique descum primento do licenciamento ou negligência, o proprietário poderá ser multado. O Ministério Público também poderá entrar com ação civil pública para possível reparação de danos.

TURISMO

Conhecido por suas águas cristalinas que atraem turistas do mundo inteiro, o Rio de Prata, em Jardim, amanheceu muito diferente durante o feriado. Ao invés da visão de peixes, plantas e pedras ao fundo do rio, a imagem que tomou conta das águas foi o marrom de muita lama e terra. 

Cerca de 150 turistas foram embora do Seu Assis Camping e Balneário ao se depararem com a situação. “Teve uma chuva intensa na sexta-feira à noite, e amanheceu desse jeito. O rio enche quando chove muito, mas normalmente não fica cheio de lama do jeito que está”, afirma Diego Scherer Luciano, que é neto da proprietária do balneário e trabalha no local diariamente.

Para ele, existem formas de evitar que a água da chuva e a lama chegar ao Rio da Prata. “Os rios são patrimônio da União, todo mundo perde ele com ele sujo, ainda mais nessa região em que são conhecidos como águas cristalinas. É lamentável”, define. Para o rio voltar a ficar cristalino, deve demorar cerca de uma semana.


COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10