• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Délia exonera secretário e diretor de licitação presos na Operação Pregão


Por Dourados News

Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News

A prefeita Délia Razuk (PR) exonerou na manhã desta segunda-feira (5/11) os dois servidores públicos municipais presos na Operação Pregão, desencadeada na quarta-feira passada em Dourados. Os nomes do secretário Municipal de Fazenda, João Fava Neto e do diretor do departamento de licitação, Anilton Garcia de Souza, constam na edição suplementar do Diário Oficial. A data é retroativa a 1º de novembro.

Ambos são apontados como integrantes de grupo acusado de fraudar licitações no município e acabaram presos no dia da ação, juntamente com a vereadora Denize Portollan (PR) e o empresário Messias José da Silva.

João Fava estava no cargo desde o início do mandato da atual prefeita. Já Anilton era ‘braço-direito’ do titular da pasta, comissionado na Sefaz como Assessor Especial II.

No lugar do secretário, a prefeita nomeou Carlos Augusto de Mello Pimentel de forma interina na quinta-feira. 

Tanto João Fava, quanto Anilton, estão presos preventivamente na PED (Penitenciária Estadual de Dourados) desde o dia 31 de outubro, o mesmo ocorre com Messias José da Silva.

A vereadora Denize Portollan, que na época do início das investigações comandava a Secretaria de Educação, foi encaminhada à penitenciária feminina de Rio Brilhante na quinta-feira (1/11).

Hoje pela manhã, ela teve o pedido de afastamento de seu mandato protocolado na Câmara de Dourados pelo farmacêutico bioquímico Racib Panage Harb. 


COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10