• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Polícia paraguaia flagra túnel que resgataria de presídio 80 membros do PCC

Construção tinha 200 metros de extensão e estava quase concluído


Por Correio do Estado

Segundo a polícia, túnel tinha espaço suficiente para três pessoas passarem por ele - Foto: Reprodução/ABC Color

A polícia paraguaia descobriu um túnel de 200 metros que seria usado para fuga de pelo menos 80 membros do Primeiro Comando da Capital (PCC) presos no presídio de Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã. As investigações começaram há três semanas e acabaram com o flagrante nesta terça-feira (2), quando três paraguaios e um brasileiro foram presos.

Conforme o site paraguaio Capitan Bado, o ministro do Interior do país vizinho, Juan Ernesto Villamayor, concedeu uma entrevista coletiva ontem e informou que o túnel começava em uma casa localizada a 200 metros do presídio e estava quase concluído.

“É uma coisa fantasticamente bem feita”, resumiu o ministro ressaltando que o túnel tinha espaço suficiente para três pessoas passarem por ele.

Ainda conforme o site paraguaio, o ministro ressaltou que há três semanas a polícia já estava recebendo informações, dizendo que alguma ação seria feita coincidindo com a data de aniversário da facção criminosa.

No flagrante, quatro pessoas foram presas, sendo três paraguaios que eram os escavadores, e um brasileiro, encarregado de contratá-los. A intenção do grupo era resgatar pelo menos 80 detentos do presídio que fazem parte do PCC.


COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10