• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Pesquisa aponta Bolsonaro como líder na disputa presidencial

Foi a segunda pesquisa feita nesta semana


Por Midiamax

O Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística) divulgou nesta quarta-feira (26) o resultado de uma nova pesquisa de intenção de votos na disputa presidencial, encomendada pelo CNI (Confederação Nacional da Indústria).

De acordo com a pesquisa, o candidato Jair Bolsonatro (PSL) está afrente na corrida eleitoral, com 27% das intenções de voto para o primeiro turno. Logo em seguida está o candidato Fernando Haddad (PT), com 21% e Ciro Gomes, com 12%. Um pouco mais atrás estão Geraldo Ackmin (PSDB), com 8% e Marina Silva (Rede), com 6%.

O candidato João Amoêdo (Novo) possui apenas  3% das intenções, já Alvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB), 2%, e Guilherme Boulos (PSOL), 1%. Os que não alcançam nem 1% são Cabo Daciolo (Patriota), Vera Lúcia (PSTU), José Maria Eymael (DC) e João Goulart Filho (PPL).

Dos entrevistados, 11% declarou votar em branco ou nulo, enquanto 7% não responderam ou estão indecisos.  Considerando apenas os votos válidos, os candidatos, juntos, não ultrapassariam 50% das intenções. Entretanto, Bolsonaro teria 33% e Haddad, 25% dos votos válidos.

Em comparação a pesquisa anterior, divulgada também nesta semana, os candidatos Bolsonaro e Haddad oscilaram negativamente, enquanto Ciro subiu nas pesquisas.

Alckmin e Marina mantiveram as porcentagens.

Segundo turno

A pesquisa também apontou aos eleitores probabilidades para o segundo turno entre os candidatos com maior intenção de voto.

O resultado foi a derrota de Bolsonaro para Ciro Gomes, e um empate com Haddad, Alckmin e Marina,  calculado dentro da margem de erro. Entretanto, em outros cenários Bolsonaro fica atrás de Haddad e à frente de Alckmin e Marina.

Rejeição

Apesar de aparecer liderando a disputa, Bolsonaro tem maior índice de rejeição entre o total de eleitores entrevistados. Os que afirmam “não votar de jeito nenhum” no candidato somam 44%, enquanto Haddad e Marina somam 27%.

Os presidenciáveis  Alckmin e Ciro possuem 19% e 16% de rejeição, respectivamente. Já os candidatos Daciolo, Meirelles, Eumael, Alvaro Dias, Boulos, Vera Lúcia, João Amoêdo e João Goulart Filho não chegam nem a 15% de rejeição.


COMENTÁRIOS


  • Pax Primavera10
  • Dinâmica e solução tecnologias9