• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Caarapó tem novo prefeito empossado

Caarapó tem novo prefeito empossado desde a manhã de hoje, o ex-presidente da Câmara Municipal André Nezzi


Por caarapoonline

Tomou posse na manhã de hoje, nas dependências da Câmara Municipal de Caarapó, após leitura resumida do processo pela vereadora Marinalva, secretária da mesa diretora, que levou a cassação do mandato do prefeito Mário Valério, mais precisamente as 10:40 da manhã o vereador e presidente da Câmara Municipal de Caarapó, ANDRÉ NEZZI. 

Para entender o caso.

Quando da época das eleições em 2.016, o adversário do atual e agora ex-prefeito Mário, entrou com diversos processos contra Mário Valério, na Justiça. Ocorre que em um deles a advogada responsável por sua defesa, perdeu o prazo, e devido a esta não ter encaminhado recurso, conforme prevê, o CPC (Código de Processo Civil), o ganho da causa é automaticamente dado a parte impetrante do processo.

Assim o prefeito que sai, não saiu por qualquer motivo, tão em pauta hoje em dia que é a corrupção, lavagem de dinheiro ou por improbidade adminsitrativa, foi "deposto" por questões de norma jurídica prevista no CPC.

Posse do Presidente da Câmara Municipal

Assumiu então a prefeitura interinamente o Vereador André Nezzi, e passando a dirigir a casa de Leis, o vereador, Edson Montanhere Bartella (professor Pontinha), a Prefeitura Muncipal fica a partir de hoje a cargo de André Nezzi.

A fala do prefeito empossado, André Nezzi, vem no sentido de lamentar esta situação, que não é um dia de festa para o município, pois por erros jurídicos, houve a perda do mandato, conseguido democraticamente com mais de 9.700 votos. Ele ficará no posto até que ocorram novas eleições, provavelmente em Novembro, assim se houver segundo turno nas eleições nacionais, haverá uma terceira eleição em Caarapó.

O vereador Pipoca, também enalteceu a personalidade e a idoneidade de Mário Valério, que teve acertos e erros, suscetíveis a qualquer administrador, mas que durante o primeiro mandato e estes quase dois anos de mandato, agiu com inrtegridade e dignidade.

O Vereador Manézinho, também fortaleceu a fala anterior, dizendo que humanos têm defeitos, e que ninguém está isento, inclusive o antecessor de André Nezzi, mas que sua saída deixa o município triste, pois não se deu por erros cometidos intecionalemnte, ao final da sessão extraordinária, o novo presidente da Câmara, professor Pontinha, encerrou a sessão em lágrimas comovidas pelo momento em que passa os poderes Legislativo e Executivo Municipal.


COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10