• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

'PHN 20 Anos: Confirmação do cuidado, misericórdia e amor de Deus para conosco.



“...Volta pro seu Senhor e se abra à restauração. Com Cristo você vai superar. Todas as barreiras passar. Todo pecado vencer.

Um novo homem vai nascer. -...”

Amados amigos... No período de 18 a 22 de julho de 2018, tive a felicidade e a graça de poder viver o PHN 20 anos –

“Basta que sejais jovens para que eu vos ame.” – (Dom Bosco) em Cachoeira Paulista – SP, na sede da Comunidade Católica Canção Nova.

Começo minhas palavras dizendo que foi uma experiência incrível e muito abençoada. Sabe porquê? Eu pude perceber e sentir dentro de mim, que essa 20ª edição do acampamento PHN foi para mim nada mais, nada menos do que: “A confirmação do cuidado, misericórdia e amor de Deus para conosco.” –

Tudo começou quando Jesus Cristo, através de meus pais que apoiam e entendem a minha missão de evangelizar, ser evangelizado e testemunhar as maravilhas que Deus realiza em mim com a minha própria vida, ajudaram-me e me conduziram ao referido acampamento.

Chegando lá, logo nos disseram assim: “Deixe Deus agir através de você.”

Prontamente percebi que para bem viver aquela experiência de amor proporcionada pelo encontro com Deus que é um pai infinitamente rico em misericórdia, deveria estar ali de mente, corpo, alma e coração aberto afim de que o acampamento PHN – Por Hoje Não Vou Mais Pecar, fosse de fato um recomeço de uma nova vida para mim e todos que ali estavam.

Tomando esta consciência foi exatamente assim que eu agi.

Lembro-me que abrindo-me para ação de Deus e para receber as graças que Ele próprio havia me reservado naqueles dias, pude sentir o “abraço de pai” -  escutar a voz de Jesus Cristo, falando-me o seguinte: “Deus acredita em você e eu também, vamos recomeçar?!”

Acolhendo a certeza que Deus me deu, eu com muita disposição e alegria respondi meu SIM á Deus para que a partir daquele instante pudesse viver bem aquele retiro e pudesse procurar colocar em pratica, tudo de bom que ele, iria me permitir aprender.

O primeiro grande ensinamento e a primeira grande confirmação que Deus trouxe para minha pessoa neste acampamento, foi que: Eu não estava, não estou e nunca estarei sozinho. Deus está, esteve e sempre estará comigo.”

E para você que agora está lendo este texto, Deus te traz esta certeza. Acredite! Penso que Deus faz conosco, assim como fez com o jovem “José do Egito” – 

A palavra de Deus relata-nos que ele foi retirado do “fundo do poço” – fugiu do pecado desde sua mocidade até o fim de sua vida terrena, esteve preso, porem sentiu-se livre, ganhou a confiança dos líderes de sua época, tornou-se um grande administrador das riquezas de um rei, mostrando-se um homem forte, corajoso, honesto, bom e fiel a Deus, tudo o que ele tocava as mãos prosperava.

A exemplo deste destemido jovem José do Egito, Deus quer fazer de mim e de você homens livres e prósperos Nele. 

A segunda confirmação dada por Deus a mim no PHN 20 anos, foi a certeza de que todos nós crianças, jovens e adultos batizados, temos inúmeros dons e uma vocação, ou seja, um chamado.

Nós todos como filhos e filhas amados de Deus, somos “chamados” a servir a Deus e ao próximo em nossas realidades.

Basta para isto, nos abrirmos, descobrir quais são os nossos dons e qual a nossa vocação e coloca-la em pratica da melhor maneira possível. 

Sabemos que: “São as dificuldades que fazem a nossa vocação valer a pena.” E devemos ser conscientes de que a nossa primeira vocação é a de sermos filhos de Deus por meio do nosso batismo e sermos santos.

Somos desta maneira, chamados a santidade e a atrairmos pessoas a Cristo com o nosso testemunho e com a nossa vida.

É necessário não perdermos tempo, é preciso fazermos boas escolhas, viver e contagiar o mundo com a nossa vida e principalmente com o Cristo Vivo que habita em nós.

Percebo que acolher a certeza de que temos uma vocação e somos dotados de vários dons dados a nós de maneira gratuita por Deus, nos faz ter uma postura e uma consciência crítica cristã de sabermos que antes evangelizarmos e sermos evangelizados é extremamente importante e nosso dever em uma atitude de humildade, tomarmos posse da graça de Deus e acolher uma verdade que Ele nos comunica por meio de uma canção que nos afirma o seguinte:

 “...A nossa vocação é nos doar. E por amor darei o meu melhor.  Pois o Senhor que um dia me chamou, quer que eu seja luz para as nações. Não mereci chegar onde estou. Mas se cheguei aqui eu quero então, fazer valer a pena toda dor, levando esperança a esse povo sofredor.”

Muitas vezes, é preciso ultrapassarmos e vencermos as “Montanhas de nossas vidas”.

Quais montanhas? A montanha da ansiedade, da impaciência, do orgulho, do egoísmo, da falta de perdão, da vaidade e entre outras.

Como? Dizendo NÃO a tudo isto.

Certos de que somos chamados e agraciados com diversos dons, Deus através de seu filho Jesus Cristo e pela luz de seu Espirito Santo, faz de nós homens e mulheres da juventude PHN, sermos e agirmos como parte de uma geração nova de verdadeiros “profetas das nações” – que “jamais deve perder a esperança na vida e em dias melhores. Pois Jesus Cristo permanecerá conosco até o fim dos tempos.”.  

E ainda Cristo Jesus, nos diz que a nossa vida só está começando.

Devemos se necessário, colocar uma virgula em nossa história, mas nunca um ponto final.

Sabe porque meu amigo? Simples. Na nossa história de vida: “A última palavra não é nossa. A última palavra é de Deus.”

Acredito eu que devemos caminhar e viermos felizes nas provações, pois temos um Deus que por meio da eucaristia nos deu seu filho Jesus Cristo que é e sempre será o nosso sustento, nossa força, nossa vitória e nossa alegria em meio as dificuldades. 

E é este mesmo Jesus Cristo que faz morada em nós, nos ama sem medida e acolhe como um pai que recebe o “filho pródigo” e alegra-se com sua volta para casa e para o seio de sua família, indica-nos o caminho certo, mostra para a gente o que precisamos e devemos fazer para ultrapassarmos as montanhas de nossas vidas e por fim, este Cristo que nos dá Maria Santíssima como Mãe, nos afirmando: “Eis aí a tua mãe!” e nos oferecendo a ela como filhos, nos falando assim: “Eis aqui os teus filhos.” – Nos permite ver que é possível viver o PHN.

Como? Vivendo um dia de cada vez.

Lembrando que: “O ontem já foi, não existe mais. O amanhã ainda não está pronto. E o hoje é o que temos para não pecar ou seja não “errar o alvo” – Temos somente o hoje para vivermos e sermos felizes.”

O que me faz ter tanta certeza disso? Acreditar no que Deus nos diz: “Nascemos para viver, amar, dar certo e ser feliz!”

A iniciativa em viver a dinâmica, metodologia, pedagogia, o estado de vida, o comportamento e a espiritualidade que fundamenta e é a essência do PHN, deve partir de nós numa atitude de cristãos comprometidos que faz exalar o perfume de Jesus Cristo a todas as pessoas e por todos os ambientes que estamos inseridos.

De que forma? Sabendo que vamos errar, pois somos humanos. Mas quando isto acontecer, devemos recorrer ao sacramento da confissão que é o “encontro paterno de amor entre Deus e nós” é o sacramento em que Deus nos perdoa, cura, livra do pecado, nos fortalece, nos reconcilia com Ele, faz de nós criaturas novas prontos a recomeçar e seguir em frente sempre que necessário, nos fazendo enxergar o quanto é grande o cuidado, a misericórdia e o amor de Deus para com cada um de nós.

Observa-se que o acampamento PHN, é alimento e providencia para nós católicos. Pois nele encontramos uma nova forma de caminhar, temos Jesus Cristo vivo na eucaristia e temos Maria Santíssima, Mãe da Divina Providencia que cuida de nós, intercede e provê Junto a seu Filho Jesus, tudo o que nós necessitamos.

O exercício diário de viver o PHN, é uma luta uma grande batalha que deve ser travada apenas por grandes guerreiros do exército de Deus.

Posso dizer que a terceira confirmação e a boa notícia que Deus trouxe para nós que vivemos o referido acampamento, é a seguinte: “Jovens, vencestes o maligno. Deus nos faz livres e em Cristo, somos mais que vencedores!” Eu acredito nisto. Vamos acreditar Juntos!

Uma coisa é certa meus irmãos: Na vida a batalha contra o pecado é dura.

E em toda batalha devemos dar “até o sangue na luta” pois desta forma, Deus nos fará vencer.

Devemos agir como bons soldados estrategistas, sabendo a hora de recuar e o momento certo de avançar para triunfar e alcançar a vitória.

Uma certeza eu tenho: Com Deus no controle e no comando do barco de nossas vidas, a vitória sobre o pecado é certa. É nisto que eu acredito!

A cada NÂO que dizemos ao pecado, é um SIM que dizemos a Deus e ao projeto de amor que Ele tem para nós, em nossas vidas.

A cada NÂO ao pecado, um passo rumo ao CÈU e a Vida Eterna junto do Pai celestial. 

Finalizo a minha escrita relatando a quarta e última confirmação que concretizou minha vivencia do PHN 20 anos na Canção Nova.

Vejam só como Deus me fez ver e sentir que o 20º Acampamento PHN foi com toda certeza: “A confirmação do cuidado, misericórdia e do amor para comigo e com os quase 200 mil jovens que lá estavam.”

Naqueles dias de acampamento Deus trouxe ao meu coração a confirmação de seu cuidado, sua misericórdia e seu amor para conosco, do começo ao fim desta experiência de fé.

Afirmo o que estou dizendo, pois eu via este Deus cuidadoso, misericordioso e amoroso comigo em cada pregação, show e/ou ajuda de cada uma das pessoas que caminhavam comigo, que ajudavam-me a subir e a descer do ônibus, a servir a minha refeição, a subir e descer as escadas da pousada onde estávamos hospedados, em cada dialogo e partilha que fazíamos, em cada ligação, mensagem, abraço e sorriso recebido, no motorista de taxi que me atendeu, e em cada gesto de carinho, palavra de conforto amor  dita pelos amigos e irmãos de excursão e de quarto.

E por fim eu pude enxergar a ação de Deus em mim neste PHN 2018, quando tive a graça de escutar de alguns jovens e amigos que estavam comigo, que eles me viam como “um exemplo de superação, vontade, determinação, garra, alegria e fé. Disseram ainda, que me viam como um pai e amigo que apesar de minhas limitações e cansaço com um sorriso no rosto, eu sempre estava esforçando-me para receber a graça que transbordava naquele ambiente. E bem viver aquele acampamento.

Por fim aqueles meus amigos e irmãos na fé, falaram-me que a minha postura e atitude naqueles dias os alertavam para que não reclamassem da vida e das dificuldades que ela apresenta.

Com fé em Deus, é possível supera-las.

E ainda falaram que ser quem eu sou e agir da forma que eu estava agindo ali, os incentivavam a ser um bom cristão e viver melhor.

E essa minha atitude fazia e faz de mim uma pessoa realmente especial para Deus e para muitos.”

Quando eu escutei essas palavras, vi que realmente havia vivido o PHN, da maneira que deveria e segundo a vontade de Deus.

Porque? Porque ali, fui cuidado, amado, evangelizado e principalmente pude pela graça de Deus, evangelizar com a minha história e com a minha vida.

È preciso acreditar no que Deus nos afirma através de Dom Bosco: "Basta que sejais jovens para que eu vos ame."

Sejamos jovens não de idade, mais jovens de alma.

Sabe quem além de mim, Deus está chamando hoje para viver o PHN?

VOCÊ!

Pense nisto.

“...Pare de se maltratar

Não queira aos outros culpar

Diga por hoje não

Por hoje eu não vou mais pecar...” – (Restauração/Dunga)

Que Deus nos abençoe e que Maria nossa Mãe do céu, cuide de nós. Amém, assim seja!

Tiago da Silva Vasques


COMENTÁRIOS


  • Pax Primavera10
  • Dinâmica e solução tecnologias9