• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Carreta com placas de Laguna Carapã tomba e caminhoneiro morre em SC

Acidente ocorreu na tarde de segunda-feira, em um trecho curvoso conhecido como Curva da Morte


POR: ROSSY LEDESMA, do fronteiraonline

Foto(s): Cristian Lösch/ Portal Peperi
PUBLICIDADE

O motorista de uma carreta do MS, acabou morrendo na tarde de segunda-feira,06, após se envolver em um grave acidente na SC 161, em Romelândia. O acidente ocorreu por volta das 15h45 em um trecho curvoso, conhecido como curva da morte, local onde já foram registrados inúmeros casos semelhantes.

De acordo com as informações a carreta uma M.Benz 1938 S de Laguna Carapã (MS), seguia pela SC 161, quando ao chegar ao local o motorista perdeu o controle do veículo, saiu da pista, desceu um barranco, atingiu dois veículos estacionados e parte da estrutura de um galpão de madeira. Cães que estavam no local também foram atingidos, pelo menos um deles morreu. Outras duas pessoas que trabalhavam no terreno tiveram ferimentos leves.

A suspeita é de que o acidente tenha ocorrido após o condutor perder o controle da direção devido à falta de freios.

O motorista, identificado como Toni Magno Lemos de Oliveira, de 45 anos, chegou a ser socorrido com vida, mas morreu ao dar entrada no hospital. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ele foi encontrado agitado, sendo amparado por duas técnicas de enfermagem e um motorista da Secretaria de Saúde de Romelândia.

Foto(s): Cristian Lösch/ Portal Peperi

Os socorristas seguiram com os atendimentos pré-hospitalares e constataram diversas escoriações pelo corpo e pequenos cortes na região lombar e abdômen, além de uma grande laceração na região occipital do crânio, suspeita de hemotórax e pneumotórax.

Segundo os bombeiros, ao ser colocado na ambulância, Oliveira entrou em parada cardiorrespiratória. Foram feitas manobras de ressuscitação com o uso do desfibrilador, mas sem sucesso. No Pronto Socorro de Romelândia a equipe médica tentou reanimar o paciente por aproximadamente uma hora, no entanto ele não resistiu.

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) foi acionada e efetuou os levantamentos técnicos. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de São Miguel do Oeste para necropsia.


COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10