• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Jurista diz que houve 'preocupação excessiva' em manter Lula preso


Por Uol

A doutora em Direito, Estado e Constituição pela UnB (Universidade de Brasília) e professora de processo penal na UFGO (Universidade Federal de Goiás), Soraia da Rosa Mendes, disse ao UOL acreditar que houve uma “preocupação excessiva” das autoridades em manter a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva neste domingo (8) — mesmo frente à perspectiva de que a decisão do juiz plantonista Rogério Favreto poderia ser revertida em poucos dias pelo juiz relator do processo, o desembargador João Pedro Gebran Neto, do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª região).

A especialista afirmou que, do ponto de vista técnico, o procedimento da defesa e o habeas corpus concedido foram atos legais e não haveria qualquer justificativa para não executar a ordem. “Estamos em período de recesso e o [juiz] plantonista é que decide quem prende e quem solta”, disse.


COMENTÁRIOS


  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10