• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

DOF prende policial militar da fronteira com 10,5 quilos de supermaconha

Traria a droga para Campo Grande e estava com mais pessoas


Por Midiamax

O soldado da Polícia Militar Wueverton Cabral de Azevedo, de 28 anos, foi preso com 10,5 quilos de skunk, também conhecida como supermaconha, em uma abordagem do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) por volta do meio-dia desta segunda-feira (4), na MS-164, proximidades do Assentamento Itamarati, em Ponta Porã.

Outro homem, identificado como Cristiano do Carmo Bitencourt, 20, também foi preso. De acordo com a polícia, o soldado Cabral conduzia um Chevrolet Classic, quando foi abordado pela equipe. Ele é  lotado no quarto pelotão de Ponta Porã.

De acordo com a polícia, o soldado apresentou nervosismo durante a parada.

No carro, foi encontrado uma bolsa com 38 pacotes de skunk, que após pesagem, totalizou 10,5 quilos da droga. Um colete balístico e um fardamento da PM também foram encontrados dentro do veículo.

A princípio, Cabral teria dito que a bolsa era de Cristiano e desconhecia da existência do entorpecente. Na base do Defron (Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira), em Dourados, Cristiano, tal como consta no boletim de ocorrência, disse que foi convidado pelo policial para levar a droga até Campo Grande, onde receberiam um certo valor pelo transporte. Os dois foram presos e Cabral deverá ser levado ao presídio militar de Campo Grande. 


COMENTÁRIOS


  • Pax Primavera10
  • Dinâmica e solução tecnologias9