• Câmara Municipal2
  • Dinamica3

Preso atirador que matou comerciante para roubar R$ 70 mil em saída de banco

Vítima levou tiro no peito quando saía de banco


Por Midiamax

Foi preso na noite desta segunda-feira (9), em Naviraí, Júlio César dos Santos Rosa, de 31 anos, conhecido como ‘Guimê’. Ele é suspeito de roubar e matar com um tiro no peito o comerciante Paulo César Buchanelli, de 47 anos, no dia 15 de fevereiro deste ano, no momento em que a vítima saía de uma agência bancária de Sidrolândia com um malote de dinheiro.

Junto com ‘Guimê’ também foram presos três homens suspeitos de roubo de veículos na cidade. Armados, eles tentaram fugir de abordagem, mas foram detidos.

O caso

​A dupla estava em uma motocicleta e surpreendeu Paulo Buchanelli, que era comerciante e estava em frente a uma agência bancária. Eles efetuaram disparos, sendo que um tiro atingiu o peito da vítima, que foi socorrida, mas não resistiu e morreu no hospital.

Os bandidos levaram um malote com R$ 70 mil que estava com Paulo. Câmeras de segurança flagraram toda a ação dos bandidos.

Três dias após o latrocínio, policiais do Batalhão de Choque encontraram a arma utilizada para cometer o crime com um adolescente de 14 anos. Após rondas pelo Jardim Paraíso, o menor foi abordado e contou aos policiais que Wellison Sanches Fragoso conhecido como ‘Pipoca’, estava pilotando a motocicleta no dia do crime e um comparsa, o “Guimê”, teria efetuado os disparos contra a vítima.

Conforme registro policial, após o crime, ‘Guim’ entregou a arma para o adolescente e pediu para que ele guardasse em sua residência.

Os policiais se dirigiram até a residência do menor e encontraram o revólver da marca Taurus, calibre 32 enterrado no quintal. Ele foi apreendido e entregue na Delegacia de Polícia de Sidrolândia.

Wellison, que conduzia a moto, foi preso.



  • Dinâmica e solução tecnologias9
  • Pax Primavera10