• FB22
  • Dinamica108
  • Leo Lanches65

PUBLICIDADE
30/11/2017 13h40

Decapitado foi sequestrado junto de filho em clínica e executado pelo PCC

Três autores estão presos

Por Midiamax


José Carlos Louveira Figueiredo de 41 anos, que teve o corpo encontrado decapitado e com os pés e mãos amarrados, na cachoeira do Céuzinho, em Campo Grande, foi executado pela facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

 

Informações são de que José e mais dois filhos adolescentes foram internados em uma clínica de recuperação, quando no dia 18 deste mês três homens invadiram o local e levaram amarrados o pai e um dos filhos.

 

O adolescente contou que, ele e José foram levados a quatro imóveis diferentes em vários pontos da cidade, sempre amarrados e agredidos com socos e chutes, permanecendo nas mãos dos autores por aproximadamente cinco dias, sendo vigiados a todo o momento por pelo menos seis pessoas.

 

Após este período, foi dada ordem pelo PCC que José fosse executado e o garoto liberado. A vítima estava sendo acusada de comercializar drogas para a facção criminosa rival, o CV (Comando Vermelho).

 

Ainda segundo o relato, os dois foram levados até um local desconhecido quando José foi retirado do carro e executado a tiros. O adolescente disse ter ouvido os disparos. Ele ainda afirmou ter sido ameaçado de morte, caso relatasse o que havia acontecido a alguém.

 

Foram presos acusados pelo crime Nicolas Kelvin Soares Montalvão, de 18 anos, Davyd Samuel Boaventura Salvador, de 18 anos e Kaio Batista Oliveira, de 25 anos, conhecido como ‘Manaus’.

 

José Carlos é a quinta vítima da guerra entre facções criminosas na Capital.

 

 

O crime

 

O corpo decapitado, com mãos e pés amarrados, foi encontrado no fim da tarde desta terça-feira (28), na cachoeira do Céuzinho, distante 15 quilômetros do Centro da Capital.

 

Dois homens que tomavam banho no local avistaram o corpo com as mãos amarradas para trás e acionaram a Polícia Militar. Quando os militares chegaram no local, constataram que a vítima estava decapitada e equipe da perícia da Polícia Civil foi chamada.

 

A vítima está com calça azul e sem camisa. Em razão de cheiro forte em outro ponto da cachoeira, policiais vasculham o local em busca de outra vítima.

 

Outros crimes

 

Em setembro, Leoni de Moura Custódio, de 18 anos, foi encontrado carbonizado e sem cabeça, no aterro sanitário de Campo Grande. A vítima ficou desaparecida por dois dias e durante o registro do sumiço na Polícia Civil, o pai recebeu a informação do achado do corpo.

 

No dia 16 de agosto, o corpo de Fernando Nascimento dos Santos, de 22 anos, foi encontrado decapitado enrolado em um cobertor no Jardim Los Angeles. Em um vídeo que circulou na internet, o jovem pedia desculpa a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), em sequência ele aparece sendo degolado por um homem encapuzado.

 

Em fevereiro deste ano, Richard Alexandre Lianho, de 25 anos, foi executado e desovado na Cachoeira do Ceuzinho, em Campo Grande. O corpo foi encontrado com os braços parcialmente arrancados e um corte no pescoço. Depois do crime, os suspeitos divulgaram as imagens em redes sociais e o vídeo se espalhou.

 

Também em fevereiro, Leandro de Oliveira, de 26 anos, foi encontrado no aterro sanitário de Campo Grande, no Jardim Noroeste. Leandro seria um dos rapazes que participou da execução filmada de Richard Alexandre Lianho, de 25 anos, no dia 15 de fevereiro. O corpo foi encontrado carbonizado.





Comentários



Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Laguna Informa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Laguna Informa poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.


enquete

Quem será o campeão do Brasileirão 2017?

  • Corinthians - SP
  • Palmeiras - SP
  • Santos - SP
  • Grêmio - RS


PUBLICIDADE
  • Pax Primavera102
  • Dinâmica e solução tecnologias103
PUBLICIDADE PUBLICIDADE